Características da língua #11 – Weak sound and Sentence Stress

Salutations!

Picture this: Você está ouvindo música (em inglês, of course) e canta fluentemente seguindo o ritmo de casa frase, estrofe, whatever it’s called. Aí, quando você resolveu tentar acompanhar a letra pra valer e tenta ler e cantar ao mesmo tempo, parece que algumas palavras são engolidas e isso não faz sentido. Oh céus, e agora? Bom, como já falamos em outro post existe algo chamado linkage que é natural na língua falada. Porém, temos outra feature que ocorre no natural speech que é chamada sentence stress, mas precisamos falar sobre weak sound primeiramente.

Já mencionamos o schwa – som mais fraco do inglês – em outro post, mas estávamos falando sobre “sílabas tônicas”. Acontece que o schwa /ə/ também aparece nas frases e é ele que vai modelar o sentence stress, ou seja, a “sílabas tônicas” das frases como um todo. Na realidade, o schwa vai substituir alguns sons e torná-los fracos, fazendo que eles não sejam pronunciados tão claramente e nós, non-native speakers, ficamos um pouco confusos com isso. Mas vamos aos exemplos:

  • I can swim.
    • Slow speech: /aɪ kæn swɪm/
    • Natural speech: /aɪ kən swɪm/

Reparem que o som original de can /æ/ foi substituído pelo schwa /ə/. Huuuuuummmm, da hora. E o que eu faço com essa informação? Bom, sabendo disso, você consegue se expressar melhor e diferenciar o can do can’t na hora de falar.

  • I can’t swim.
    • Slow speech: /aɪ kɑːnt swɪm/
    • Natural speech: /aɪ kɑːnt swɪm/

Reparem que o som de can /æ/ foi substituído pelo /ɑː/, que é um “a” mais longo como em car.

CERTO! Curti, gostei, entendi! Mas têm outras palavras que podem ter o som “reduzido” a um schwa? TOP STUDENT! Claro que têm! Normalmente, em natural speech, as palavras que são “reduzidas” a sons mais fracos como o schwa, são as chamadas function words. Palavras que não carregam significado mas que devem ser usadas para conectar as content words e dar forma ao que está escrito (ou o que é falado). São consideradas function words:

Modal, auxiliary verbs & to bePrepositions, Conjunctions, articles, pronouns & others
Do, Does, Didin, on, at, between
Have, Hadto, of, for, from
Will, Shallover, under, through
Could, Should, Wouldand, as, but, than, that, since
May, Might, Mustthere
Am, Is, Aresome
Was, WereI, He, She, It, We, You, They
Me, Him, Her, Us, You, Them
Be, BeenA, An, The
Function words

Já as content words são aquelas que carregam significado e, sem elas, as frases não fazem sentido. Alguma ideias de que tipos de palavras são consideradas content words? Verbos? Substantivos? Adjetivos? Advérbios? SIM!!! TOP STUDENT! Vamos visualizar:

NounsVerbsadjectivesadverbsnegatives
People: Tom, Maria, Woman, TeacherAction/Dynamic verbs: run, walk, talk, goComparative: better (than), more intelligent (than), less creative (than)Adverbs of Time: tomorrow, now, early, yet no, not, never
Animals and Things: tree, bees, London, pictureState verbs: understand, believe, like, thinkSuperlative: the most intelligent, the best, the least favouriteAdverbs of Place: here, there, upstairs, nearbydon’t, doesn’t, aren’t, isn’t
Abstract nouns: Happiness, Pain, Freedom, Justice, Improvement Numbers: one, two, three, fourAdverbs of Manner: carefully, quietly, gently, loudly, quicklydidn’t, wasn’t, weren’t
Colours: black, white, green, red, blueAdverbs of Degree: very, highly, totally, completely, a lot, too hasn’t, hadn’t
Nationalities: Italian, American, BrazilianFocusing Adverbs: just, especially, simplywon’t, couldn’t, shouldn’t, wouldn’t
Content words

Certo! Curti, gostei! Mas, o que eu faço com essa informação? Agora podemos ilustrar como uma frase é pronunciada em natural speech por um native speaker!!! Hooray! Exemplo:

I would like a bar of chocolate, please.
/aɪ wʊd laɪk ə bɑːr ɒv ˈʧɒkəlɪt, pliːz/
Primeiro passo: Encontrar as content words (em azul).

Nice one! Agora, vamos identificar as function words (em vermelho).

Bang! Podemos ir além e contrair o modal verb “would” para ‘d (te tão fraquinho que ele é nessa frase). Resultando na seguinte situação:
I’d like a bar of chocolate, please.
/aɪd laɪk ə bɑːr əv ˈʧɒkəlɪt, pliːz/ –> Veja que as content words não tiveram seus sons “reduzidos” ao schwa, “would” foi reduzido à ‘d, sendo incorporado pelo substantivo, e as outras function words agora são schwa!!! Lindo, não é mesmo?

Agora a pergunta: Onde está o sentence stress? Acertou quem disse EM TODAS AS CONTENT WORDS!!!

Sentence stress

Na imagem acima, as bolinhas vermelhas representam as sílabas que são proeminentes dentro da frase! Isso dá o ritmo da língua. Sim! Ritmo! Se você contar 1, 2, 3 ,4 e bater palmas em intervalos iguais, é possível falar essa frase (e todas outras em inglês) dando ênfase nas sílabas “tônicas” das content words.
Siga o ritmo do áudio abaixo e tente usar a nossa frase como exemplo.

Eu acho isso muito lindo! =)

And there you go! Apesar de ser bem natural pra quem é native speaker, isso é uma coisa que pra gente demora um pouco a ser absorvido e exige muita prática e treino. Não precisa bater palmas. Bater os pés nos chão também conta. Qualquer coisa que ajude a ajudar a entender o ritmo e o sentence stress. Sabe quando você não sabe a letra de uma música e fica hum- hum hum- hum hum- hum? Cantarolar, zumbir, murmurar… também ajuda!

Phew! Dúvidas? Deixe nos comentários. Gostou do assunto e quer saber mais? Entre em contato pra saber como posso lhe ajudar!

Não se esqueça de se inscrever no blog para receber notificações!

Thank you very much and see you next time!
Cheers,
Teacher Rod

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: